sábado, 24 de abril de 2010

Maiquel Falcão comenta luta com Paulão Filho

Maiquel Falcão e Paulão Filho se enfretam em julho, na luta principal do Dukeoon Top Challenge, em Santa Catarina. Será no Costão do Santinho, em Florianópolis, ou na Arena Multiuso, em São José. A data ainda não foi definida. O MMA Sul entrevistou Paulada sobre a luta e ele prometeu finalizar. Agora conversamos com Maiquel Falcão. O striker comentou as expectativas para o confronto e afirmou que pode nocautear. Veja na entrevista.


MMA Sul - Está certa a luta entre você e Paulão Filho? Quando será?
Maiquel Falcão - Sim, o Fred Fontes já confirmou a luta. E o meu adversário também. Só falta o dia.

MMA Sul - Qual a sua expectativa para esse confronto?
Falcão - Olha só, a expectativa é aquela de querer ganhar bem, com nocaute ou finalização. O importante é fazer um bom espetáculo para o público, com bastante ação do começo ao fim.


MMA Sul - Será o adversário mais duro da sua carreira até aqui?
Falcão - Encaro todo o combate como se fosse o mais difícil. Respeito todos os meus oponentes. Lógico que o Paulo Filho tem uma tradição forte no nosso esporte, então merece uma atenção especial.


MMA Sul - Paulão disse que se pegar pé ou braço levará pra casa. Qual seu comentário?
Falcão - E, se eu nocautear ele, como vou levar inteiro pra casa? Não dá né... Mas tudo bem, se não der pra ele levar um pedaço, ele fica com a lembrança da pancada.


MMA Sul - Ele também falou que você se engana se acha que ele está morto. Tem algo a dizer?
Falcão - Quem se colocou como morto foi ele, nunca disse isso, são palavras dele.


MMA Sul - Por que você declarou em entrevistas que quer muito enfrentar ele?
Falcão - Eu sempre vou querer enfrentar os melhores, o Paulo Filho já foi considerado o melhor junto com o Anderson Silva. Quando me deram a oportunidade eu aceitei na hora, faria o mesmo se me dessem a oportunidade com o Anderson. Quero os maiores desafios sempre, treino pra isso.


MMA Sul - Você tem dado ênfase no treino de chão? Como avalia o seu jogo no solo?
Falcão - Muito, tenho treinado muito mesmo, e quem sabe esse braço que está sendo citado não possa vir a ser o dele não é? Acontece...


MMA Sul - Como é sua rotina de treino na Chute Boxe?
Falcão - Tenho quatro técnicos cuidando da preparação. Meu tempo se divide em treino, alimentação e descanso.


MMA Sul - Por que você decidiu mudar de categoria, baixando para 83 kg?
Falcão - O mestre Rudimar conhece bem o ramo e escolheu essa categoria para mim. Estou me sentindo bem nela, com a mesma força e com mais velocidade, agora é só trabalhar.


MMA Sul - Gostaria de deixar agradecimentos?
Falcão - Ao pessoal da Ecko Unltd., que me dá um suporte legal, a todo time da Chute Boxe, aos amigos que sempre acreditaram no meu potencial e principalmente a Deus, que colocou todos na minha vida. E a minha esposa, que está em todas as batalhas.

2 comentários:

Max disse...

Tomara que role mesmo a luta, e que o Paulao leve um coro para acordar pra vida haha

Flip's disse...

Dalhe Maiquel CB do cabral ja ta fechando uma barca pra ir te ver calar a boca desse falastrão..paulão filho é só garganta...isso se na vespera da luta o cara ñ bundear q nem tem acontecido nas ultimas, abx