domingo, 28 de novembro de 2010

Igor Chatubinha "solta a mão" no Brasil Fight 3

Chatubinha apaga Uirapuru após cruzado (Imagem: Marcelo Alonso)

A grande arma de Igor Chatubinha é o conhecido triângulo de mão, posição aplicada em dez de suas treze vitórias. Na noite de ontem (27) no Brasil Fight 3, em Belo Horizonte, Chatubinha surpreendeu Marcelo "Uirapuru" com um belo cruzado de direita, em seguida golpeando-o mais duas vezes para confirmar o nocaute mais rápido do evento, 18 segundos.

Lembrando que a luta entre Chatubinha e Uirapuru foi uma revanche. Em agosto passado, na segunda edição do Brasil Fight o carioca já havia apresentado a Uirapuru o seu triângulo de mão. Noutra grande disputa Joaquim "Mamute" superou Edson "Conterrâneo" por unanimidade.


Brasil Fight 3, Chevrolet Hall
Belo Horizonte - MG
Sábado, 27 de novembro


Resultados Completos:


-Cesar Augusto nocauteou Udi Lima aos 3min22s do R1
-Alessandro "Zóio" finalizou Thiago Michel no mata-leão a 1min10s do R1
-Cristiano "Titi" nocauteou Walter Luis aos 4min05s do R2
-Joaquim "Mamute" venceu Edson "Conterrâneo" por decisão dividida
-Gustavo Franca finalizou Marcio Nunes no mata-leão aos 3min24s do R1
-Ronny Marki nocauteou Fernando "Lageano" aos 3min08 do R1
-Juliana Carneiro venceu Aline Sério por decisão dividida
-William Vianna venceu Maurício "Facção" por decisão dividida
-Igor "Chatubinha" nocauteou Marcelo "Uirapuru" aos 18s do R1

2 comentários:

* disse...

Corrijam, o Mamute não ganhou do Conterrâneo por unanimidade, foi por 2 votos contra um.
E outra, o Mamute não merecia ter ganhado. Ficou na cara que o evento foi comprado para Minas, afinal mta coincidência ter dado 4x1 para o time da casa. O Conterrâneo dominou a luta, tirou sangue do mamute até ele não aguentar levantar do chão e ainda perdeu????? Quanta politicagem... isso foi uma INJUSTIÇA com o Conterrâneo!!!

Jiu-Jitsu On Line disse...

Realmente o Conterrâneo foi mais contundente ao longo da luta, mas ela foi contada round-a-round!

O 2o round foi do Mamute, quedou várias vezes e ficou o tempo todo por cima. E o 3o foi do Edson que surrou.

Já o 1o round foi muito equilibrado. O Mamute foi melhor no chão e Edson foi melhor em pé. Eu escolheria o Edson, pois ele escapou bem das imobilizações e foi mais contundente quando atacou. Mas é compreensível se algum juiz escolhesse o Mamute pelo domínio no solo.

Ou seja, a luta poderia ter ido para qualquer um. E é conveniente que na terra do Mamute ele vencesse, assim como na terra do Edson ele venceria.

Abraço.