segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Sérgio Oliveira vence o Desafio Brasil x Argentina de Boxe, em Joinville-SC

Serginho vence Rene vallejos no Desafio Internacional Brasil x Argentina

Serginho comemora a vitória após dominar os quatro rounds
(Fotos: Valmir Fernando)

Após um ano sem lutar, Sérgio Oliveira venceu o argentino Rene Vallejos por decisão unânime dos juízes no Desafio Brasil x Argentina da categoria dos super-médios (até 76,2kg), no sábado (01/11), em Joinville-SC. Serginho como é chamado, contou com o apoio da torcida local, que lotou o Centro de Eventos Cau Hansen. Durante o combate as pessoas incentivaram o altleta, gritando seu nome em coro. O boxista esteve confiante, fez uma ótima apresentação. Sua estratégia diante do argentino foi não dar espaço. Como eram previstos quatro rounds de três minutos, Serginho conseguiu manter um ritmo forte sobre o adversário, devido a sua preparação física e técnica. "Com essa luta ganhei muita experiência, na próxima será nocaute. Agora terei um novo desafio contra um aluno de Acelino "Popó", luta que queremos trazer para Joinville, e depois temos a disputa do Latino -Americano em fevereiro", disse Sérgio.


Evandro "Japa" leva a nocaute Sidnei Soares a 1min22s do segundo round
(Fotos: Valmir Fernando)

Na preliminar profissional da categoria dos super-leves (até 63kg), que antecedeu o desafio principal, Eduardo "Japa" Cavalheiros, representante de Blumenau-SC, que já fez parte da Seleção Brasileira de Boxe deu um verdadeiro show. Ele chegou a oferecer a face para o oponente bater, provando sua resistência. Depois de um sequência de golpes no baço do paulistano Sidnei Soares, Japa vence por nocaute, a um minuto e 22s do segundo round. A luta estava prevista para quatro rounds. O boxeador de Blumenau conta que essa luta fez parte da sua preparação para a disputa do título Brasileiro dos super-leves, que acontecerá em março de 2009. "Farei mais duas lutas antes do Brasileiro, uma nacional e outra internacional", afirmou.

Acompanhe abaixo a entrevista com o lutador Japa, após a vitória.

video

Nenhum comentário: